Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher

Publicado: Segunda, 13 de Novembro de 2017, 10h55 | Última atualização em Segunda, 13 de Novembro de 2017, 10h55 | Acessos: 73
imagem sem descrição.

É uma campanha mundial que abrange datas como Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher (25 de novembro), o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres (6 de dezembro) e o Dia Internacional dos Direitos Humanos (10 de dezembro). A intenção da Campanha é promover informações, o debate e denunciar especialmente a violência contra mulheres.

A programação contará com diversas atividades como Rodas de Conversas nos CRAS com grupos de mulheres e idosas, palestras de psicólogas e advogadas discorrendo sobre temas como: -“Enfrentando as desigualdades contra a mulher: raça, violência e mundo do trabalho”, “Descumprimento das Medidas Protetivas de Urgência na Lei Maria da Penha”, “Mulheres, violência e mídias Sociais”, e “Autoestima da mulher que sofre violência”.

Haverá atividades e exposição de serviços na Praça XV de Novembro dia (30/11) das 09h às 15h com apresentações, informações e pequenas consultorias jurídicas, distribuição de materiais informativos como o Violentômetro (Material impresso que auxilia a mulher a identificar que nível de violência sofre e o que deve ser feito).

Dentre as atividades, ocorrerá o CINE campus para as mulheres dos CRAS estendido a toda comunidade, uma parceria com o Instituto Federal Farroupilha. Também serão promovidas ações em empresas da cidade e a campanha do “Laço Branco” que é uma Mobilização Nacional dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

A programação é realizada pela Coordenadoria da Mulher - Departamento de Direitos Humanos, setor da Secretaria de Desenvolvimento Social.

Fonte:DECOM

Imagem:Arquivo

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página